quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Scream Queens

Acho que ouvi falar vagamente da série por causa da atriz Lea Michele, porém só fui saber mesmo sobre a série ontem à tarde através de um link aleatório que cliquei no facebook.
Minha impressão inicial pelo trailer é que seria algo no estilo do filme "Eu sei o que vocês fizeram no verão passado" com American Horror Story, e não é para menos já que os criadores da série são Ryan Murphy e Brad Falchuck (criadores de Glee e American Horror Story) juntamente com Ian Brennan. Por fim, me interessei pela série e decidi assistir a estreia na Fox que foi ontem à meia noite e teve cerca de uma hora e meia.
Então agora vamos para minhas impressões sobre o primeiro episódio.
Primeiramente achei que seria mais terror e algo mais sério (como disse anteriormente, não pesquisei sobre a série antes), porém é uma mistura de terror com comédia e isso me lembrou filmes do tipo "Todo mundo em pânico", mas sem a parte do besteirol. Ao mesmo tempo em que há um suspense com a aparição do assassino vestido de diabo também há uma situação tosca e cheia de palhaçada. Portanto, se você não gosta de estilo de série/filme nem adianta tentar assistir. Mas, apesar de ser uma comédia cheia de acontecimentos absurdos hilários e bobos (na minha opinião), existe mesmo um grande suspense.
A história começa há 20 anos na irmandade Kappa Kappa Tau quando uma das alunas dá à luz um bebê numa banheira durante uma grande festa, as outras garotas não chamam por socorro e a garota sangra até morrer. A série volta para a atualidade e mostra a atual irmandade sendo comandada pela mimada Chanel (Emma Roberts) e suas seguidoras que adotaram seu nome: Chanel #2 (Ariana Grande), Chanel #3 (Billie Lourd) e Chanel #5 (Abigail Breslin).
Chanel é a típica líder "rainha" dos filmes americanos, é rica, mimada e maldosa. Adora humilhar a todos a sua volta e não aceita ser contrariada que é exatamente o que a reitora Cathy Musch (Jamie Lee Curtis) faz ao obrigá-la a aceitar todas as candidatas à irmandade Kappa. Essa abertura é o que a caloura Grace Gardner (Skyler Samuels) precisa para conseguir na antiga irmandade de sua mãe que morreu quando Grace tinha apenas dois anos, porém seu pai não gosta muito da ideia.
Grace percebe que coisas estranhas acontecem na casa e, ao lado de Pete (Diego Boneta), decide investigar o misterioso assassino vestido de diabo.
Além do elenco citado acima temos ainda Lea Michele como uma das candidatas à Kappa que tem atitudes psicopatas muito suspeitas e Nick Jonas que no início do episódio parece estar apenas fazendo uma participação sem grande importância, porém, fiquem de olho no personagem dele, o Boone, porque parece que ele promete grandes suspenses.
Num geral eu gostei da série, achei uma proposta interessante, apesar de fugir do que tinha imaginado, mas realmente tem um mistério e um suspense que já me fez criar teorias sobre quem é o assassino.


2 comentários:

  1. Olaaaar.

    Nossa, nem sei o que pensar dessa série. Eu não gosto de terror e não sei se o lado engraçado me conquistaria. Achei o enrendo meio doido e nonsense, sei lá. Acho que não vou ver, não, Nem pela Lea. Não me interessou .-.
    Maaaas espero que a série dê certo o/

    Love, Nina.
    http://ninaeuma.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Acho que o assassino é o pai da Grace.. Tudo aponta pra ele, cara

    ResponderExcluir

Espero que tenha gostado do post e sinta-se à vontade para dar sua opinião aqui e voltar sempre que quiser. Pode também deixar o link do blog para que eu e outros leitores possamos conhecer um pouco de você.
Muito obrigada pela visita <3